Vídeo mostra turista bêbada subindo em santuário budista na Tailândia sem roupa


A professora de inglês Farah Haque, 28, chocou os moradores locais do turismo na Tailândia, Chiang Mai, quando foi filmada bêbada subindo em um santuário budista completamente nua
Farah Haque, 28, tirou a roupa e gritou com os moradores que passavam (Imagem: ViralPress)

Uma turista bêbada causou uma ofensa grave na Tailândia depois de se despir e escalar o topo de um santuário budista. A professora de inglês Farah Haque, 28, chocou os moradores locais quando ela tirou a roupa e escalou o local religioso em Chiang Mai, no norte da Tailândia, na noite de segunda-feira,

Ela foi capturada pela câmera sentada em um corrimão, bebendo cerveja e xingando. De acordo com a mídia local, Farah, de Bangladesh, bebeu de uma cerveja Chang e gritou “chok dee filhos da puta” enquanto se acomodava no ambiente sagrado.

“Chok dee” significa “saúde” em tailandês.

Quando os moradores a confrontam, ela pode ser ouvida falando incoerentemente antes que os moradores lhe dêem uma saia sarongue para cobrir.

Os moradores ficaram indignados com as travessuras do jovem de 28 anos (Imagem: ViralPress)

A polícia chegou e a deteve antes de levá-la ao hospital local para ficar sóbria.

Os policiais disseram à mídia que ela havia chegado à Tailândia como turista, mas trabalhava como professora de inglês desde abril.

O tenente-coronel Somkit Phusod, da delegacia de Chaing Mai, disse que Farah estava hospedado em um albergue na cidade.

Ele disse: “Suspeitamos que ela estava bastante bêbada, não conseguia se controlar e estava causando uma cena terrível.

Farah Haque pode ser vista sentada no santuário (Imagem: ViralPress)

“A primeira coisa que fizemos foi levá-la ao hospital para descansar. Quando ela estiver sóbria, os médicos verificarão seu estado psicológico.”

Os policiais disseram que Farah foi visto tropeçando enquanto estava bêbado na noite anterior.

Ela se despiu no santuário altamente reverenciado nas primeiras horas de 10 de agosto.

Os budistas locais desde então têm limpado o santuário, que é considerado um lugar assustador para os seguidores do budismo orarem e fazerem oferendas.

A Tailândia é um país principalmente budista, e os turistas atraídos por seus muitos locais de templos são regularmente incentivados a tratar os santuários de Buda com respeito.

Você pode gostar...