Homem diz ter feito se** com a namorada antes de matá-la em tribunal do crime

Garota é atraída para morte pela a melhor amiga

Alessandra Costa, de 17 anos (Foto: Reprodução)

Alessandra Costa, de 17 anos, foi assassinada no dia 3 de março de 2020, após ser atraída pela sua melhor amiga de 16 anos, para a casa de um dos seus assassinos, Mike André da Silva, de 20 anos. 

Ao  chegar na casa, Alessandra encontrou-se com o namorado, Bruno Valadares Cardoso, de 18 anos, e logo foram para um quarto onde começaram a fazer se**. enquanto isso, a adolescente de 16 anos foi chamar Mike e mais outro homem.

Conforme relatos de bruno para a polícia, Após ele terminar o ato se*** com a vítima, ele saiu do quanto dizendo que iria buscar um carregador, neste momento, os outros dois homens entraram no quarto, e enquanto um imobilizou Alessandra, o outro aplicou um golpe mata leão que a matou.

 Logo após matar Alessandra, mike, Bruno e a adolescente de 16 anos, colocam o corpo em um veículo e o desovaram às margens de um Anel Viário na zona Oeste de Boa Vista (RR) e o atearam fogo com gasolina.

Durante depoimento para a polícia, bruno disse que matou  a namorada porque achou que ela estava se aproximando dele com a intenção de atraí-lo para depois matá-lo. A desconfiança começou após a garota contar que teve um relacionamento com um integrante de uma facção rival, com quem inclusive teve um filho.

O corpo de Alessandra foi encontrado nesta última sexta-feira (6) em estado avançado de decomposição e foi levado para o IML onde deverá passar por exames para identificação oficial.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *