Naiara Azevedo chama enfermeiras de raparigas em letra de música ‘Que rapariga não seja enfermeira’, Coren-PB emitir nota de repúdio



(Coren-PB) emitir nota de repúdio contra letra de música de Naiara Azevedo que chama enfermeiras de raparigas

Naiara Azevedo – Foto: Reprodução | 180graus

O Conselho Regional de Enfermagem da Paraíba (Coren-PB) emitiu uma nota pública nesta segunda-feira (21) contra uma música nojenta cantada por Naiara Azevedo e Gil Mendes.

A música de sentido pejorativo insinua que enfermeiras são raparigas:  “o meu desejo é que ele pegue uma boqueira e que a rapariga não seja enfermeira”, Diz a letra da música.

Na nota, o (Coren) “manifesta seu profundo repúdio ao conteúdo da música cantada por Gil Mendes e Naiara Azevedo, de nome Boqueira”, por se utilizar “da palavra ‘enfermeira’ associando a profissão a uma imagem pejorativa”.

“Não se pode admitir que, sob o manto da liberdade de expressão, as pessoas se utilizem deste tipo de manifestação de pensamento que ofende publicamente uma coletividade de mulheres enfermeiras”, continua.

Por fim, o (Coren-PB) faz  acusações sobre a letra, afirmando que a música “reforça uma cultura machista e misógina perpetrada no Brasil por muitos anos”.



Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *