Açougueiro tira a vida da filha e da entrada por causa de traição



As meninas de 3 e 8 anos foram achadas abraçadas já sem vida dentro de um quarto

Foto: reprodução / Correio

O açougueirClayton Almeida de Jesus, 34 anos, foi preso nesta quinta-feira (16), um dia depois de, segundo a polícia, matar a filha e a enteada em Guarulhos, em São Paulo.



Ele fugiu depois do crime, mas foi preso dentro de uma igreja evangélica em Santos, no mesmo estado.

O crime foi motivado por vingança – Clayton matou as meninas para se vingar da mãe delas, sua esposa, depois de descobrir uma traição, diz a polícia.

Foto: reprodução / correio

As crianças foram achadas mortas dentro da casa da família, na manhã de ontem. Priscilla Beatriz Tavares Almeida, 3 anos, filha do suspeito, e a enteada dele, Edmilly Geovana Tavares da Silva, 8 anos, estavam abraçadas dentro de um quarto. A suspeita é que as duas já estavam mortas há mais de 12 horas. Fonte: correio



VEJA OUTRAS NOTÍCIAS >>