Jovem tatuado na testa volta a usar drogas mesmo após tratamento contra o vício



Após 16 meses internado em uma clínica para tratamento contra a dependentes químicos, jovem que teve a frase ‘Sou ladrão e vacilão’ tatuada na testa, vende celular dado por funciona da clínica para compra drogas e abandona tratamento.

Jovem tatuado na testa volta a usar drogas mesmo após tratamento contra o vício  Agora com 18 anos, rapaz que teve a testa tatuada com a frase ‘Sou ladrão e vacilão’ recebe alta da clínica da qual estava fazendo tratamento contra o vício do crack e do álcool, desde quando ainda tinha 16 anos, e volta para a casa.



O jovem iniciou o tratamento no dia 13 de junho de 2017 na Clínica Grand House, em Mairiporã, na Grande São Paulo depois que a mãe, Vânia Aparecida Rosa da Rocha, pediu uma   intermediação judiciaria para que o filho fosse internado contra a própria vontade.

Nesta quarta-feira, 10 de outubro de 2018, os psicólogos da clínica disseram que o jovem solicitou a própria alta.

“Ele já tem mais de 18 anos e pode tomar as próprias decisões, ele não estava mais aderindo ao tratamento”, disse a psicóloga Marcela Abrahao da Silveira, responsável pelo tratamento do jovem.

“Ele novamente se evadiu da comunidade, ele tinha ganho um celular da equipe e teve uma recaída, ele vendeu o celular para usar droga. Conversamos com a família, chamamos a mãe para uma reunião nesta segunda-feira (08). Inicialmente ela solicitou a internação via promotoria. Esperamos que a família ofereça todo o apoio e respaldo para o jovem. ”

Fonte: G1

 

 



veja outras noticias