Homem de Indiana recebe sentença de 160 anos de prisão por engravidar uma menina de 10 anos

Nicholas Thrash provavelmente passará o resto de sua vida na prisão. (Cadeia do condado de Grant)

 Um homem de 34 anos de idade de Indiana foi sentenciado a 160 anos de prisão na quinta-feira por engravidar uma menina de 10 anos, que testemunhou corajosamente contra ele.

A menina assumiu a posição no Condado de Grant no início deste ano, dizendo ao júri que Nicholas Thrash a molestou pelo menos 15 vezes. Ela tinha 11 anos quando deu à luz um menino no ano passado.

“(A vítima) ficou em primeiro lugar em nossa mente durante este caso”, disse Jim Luttrull, promotor do condado de Grant, depois que Thrash foi considerado culpado por 10 acusações de abuso sexual infantil em agosto, de acordo com o Chronicle-Tribune. “Nós apreciamos uma enorme quantidade de pessoas … que ofereceu sua assistência à vítima, para o CASA (Tribunal Nomeado Advogados Especiais) e todo o trabalho que eles forneceram no caso.”

A condenação é “algo um pouco comparada ao que (a vítima) passou e pelo que ela passará”, disse a vice-promotora Lisa Glancy ao jornal.

Thrash terá que servir um mínimo de 132 dos 160 anos, de acordo com a CBS 4, em Indiana.

A mãe da menina enfrenta negligência e outras acusações, informou o Chronicle-Tribune no início deste ano. Investigadores dizem que ela descobriu a gravidez enquanto sua filha estava experimentando vestidos para um baile da escola, e disse a ela para dizer que um colega é responsável.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *