Mãe nega enterra filha morta a 2 dias por acreditar que ela está viva.



Dor da perda: mãe não acredita que filha esteja morta, mesmo com laudos médicos atestando o óbito.
Mãe nega enterra filha morta a 2 dias por acreditar que ela está viva.

Débora Ísis mendes de Gouveia

Débora Isis mendes de Gouveia de 18 anos de idade, moradora da cidade de rio largo no estado de alagoas, foi internada no hospital geral do estado (HGE), no dia 06 de novembro, com uma grave infecção urinaria. Dias depois o quando de saúde da paciente se agravou para uma infecção nos rins, e Débora teve que ser transferida de hospital.

No dia 8 de novembro Débora foi transferida para o hospital vida, localizado na jatiuca, no dia 12, ás 14:10 a jovem acabou falecendo devido a uma infecção renal.

Desde então, o corpo de Débora está dentro de um caixão, e a família se nega a enterra a jovem, afirmando que ela ainda está viva.

“Ela não está morta. Ela tem sinais de vida. Ela não está com a temperatura de morto. Acredito que minha filha está viva”, disse a mãe de Débora.

Com isso já completa mais de 2 dias que corpo da jovem está no caixão e a família e moradores do bairro afirmam que Débora esta viva.

O delegado da cidade, Manoel Wanderley, pediu para que o corpo fosse examinado por um médico novamente, e que fosse levado para o IML para ser realizado uma necropsia.

VEJA MAIS NOTICIAS DO MUNDO AQUI >>



Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.